Earl e o The Office americano

a versão americana de the office é triste. isso que eu achei, pelo menos do piloto, onde o texto é praticamente igual ao do original. tem algumas mudanças pequenas, como “camilla parker bowles” pra “hillary rhodan clinton”, e essas coisas. mas o elenco do original era tão talentoso, que nem steve carrel (um dos caras mais engraçados dessa nova geração) consegue salvar. eu ainda estou traduzindo os episódios originais (estou no segundo episódio da segunda temporada), e pretendo falar bastante dessa série aqui ainda.

my name is earl, essa sim é uma boa série. jason lee, o vocalista do stillwater do quase famosos, é o earl do título, um cara que vassorou a vida inteira, só fez cagada. um dia, ele ganha 100 mil dólares numa raspinha. quando vai comemorar, é atropelado por uma velhinha, e acaba perdendo o bilhete. enquanto está se recuperando, ele vê carson daly falando na tv sobre carma, que se você faz coisas boas, coisas boas acontecem pra você, e se você faz coisas ruins, elas voltam pra te perseguir. e isso muda a vida do cara. ele faz uma lista, com 200 e poucas coisas ruins que já fez na vida inteira, e decide que pra ter uma vida realmente boa, ele vai ter que arrumar tudo isso. no primeiro episódio, ele vai se desculpar com um ex-colega da escola de quem ele pegava no pé. com essa idéia muito boa, os atores muito bem, tomara que eles não se percam no caminho. os outros episódios já estão na fila do bitcomet.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s