it’s coming down, do cake

it’s coming down.
it’s coming down.
it’s raining outside.
you’ve nowhere to hide.
she’s asking you
why you think it’s funny.
it’s coming down.
it’s coming down.
she’s leaving your house.
she had to get out.
she’s mad,
and she’ll take her mattress with her.

it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.

it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
you lie on the floor.
she’s slamming your door.
she’s gone,
and she’s wearing your red sweater.

it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.
it’s coming down.

antes de fazer a análise desse magnífica letra, convém traduzi-la. ei-la pois:

está descendo, bolo

está descendo.
está descendo.
está chovendo lá fora.
você não tem onde se esconder.
ela está te perguntando
por que você acha que é engraçado.
está descendo.
está descendo.
ela está deixando sua casa.
ela teve que sair.
ela tá maluca e vai levar seu colchão com ela.

está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.

está descendo.
está descendo.
está descendo.
você jaz no chão.
ela tá batendo tua porta.
ela se foi,
e está vestindo teu suéter vermelho.

está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.
está descendo.

então. o título, it’s coming down, poderia ser traduzido também como está vindo. escolhi o está descendo, pois ele se encaixa melhor no que eu quero dizer. tenho duas teorias sobre essa música. uma delas tem de ser a correta.

teoria primeira
um cara, bacana, conhece uma mulher mais velha. linda, deslumbrante. uma MILF. ele a convida pra ir até seu apartamento. imagino ser um apartamento, pela imaturidade do cara, e pelo fato de ele não ter colchão, ele deve ser um estudante. mas poderia ser uma casa. ok. o cara não tem colchão. ela leva o dela. ela está tão a fim dele que leva o próprio colchão. chegando lá, a dona começa a tirar a roupa. e o sutiã. e a calcinha. e está descendo. e o cara começa a rir, é um imaturo. ela pergunta o que ele acha que é engraçado. ele diz que está descendo. ela vai embora, leva o colchão, deixa ele no chão, e ainda leva a blusa dele.

teoria segunda
pra mim, a mais aceitável. um cara, bacana, conhece uma garota. qualquer. não precisa ser mais velha nem nada. em um lugar qualquer, os dois se conhecem, rola uma atração. ele convida ela pra ir até o apartamento (vide teoria primeira). enquanto o cara prepara as bebidas e o filme, a moça corre até o banheiro. e está descendo. o babaca começa a rir. é um puta imaturo. ela fica constrangida, e pergunta por que ele acha que é engraçado. ela vai embora. e leva o colchão (??). o cara fica no chão, rindo-se. aí, a metáfora do “red sweater”.

Anúncios

3 comentários sobre “it’s coming down, do cake

  1. e ele correr para a televisão, para colocar no canal das camêras de segurança, para ver ela saindo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s