eu estava feliz como um garotinho

obrigado, fer, pela foto e pelo link.
se você gosta de weezer, e não foi, por algum motivo que não morte na família, arrependa-se. você deveria ter ido. deveria ter feito melhor as contas e ver que você poderia dar um jeito e conseguir a grana depois pros strokes (ou pro pearl jam). perdeu o show. agora chore, fique deprimido, e veja os vídeos e as fotos.

por tutatis, como estava legal. ah, estava tão mais massa que eu imaginava.

eu não tinha me dado conta que o weezer ia tocar ali, até o acabou la tequila tocar a última música, e o nervoso anunciar que o weezer estava vindo. só quando os caras começaram a limpar o palco e o karl subiu com as câmeras que eu parei e pensei.

eles ficaram um bom tempo limpando tudo. tirando papeizinhos, e desmontando a bateria (que serviu pra todas as outras sete bandas que tinham tocado antes) e gabriel thomaz voltou procurar alguma coisa. o lugar já estava cheio. pelas minhas contas, tinha 800 mil pessoas lá dentro (mas posso estar enganado). a moça do rádio de outono estava na escada (e não viu quando um aviãozinho feito com a setlist pelo roadie guitarrista do weezer passou voando bem ao lado dela, no fim do show). o baterista com jaqueta do ludov estava na frente do palco com uma câmera. edgard piccoli estava na ala vip, com uma câmera no ombro. rafa estava atrás dele, se balançando. o show começou 1h em ponto, exatamente como estava no programa. eu, minha namorada, a fer e o brunno amigo dela de belém (que até deu entrevista, e bateu mão com o rivers, e chama menthos de bombom) estávamos na grade, sendo esmagados pela massa. eles entraram.

e fizeram o show. como tinha que ser. ou não. não sei. acho que estava muito melhor que eu imaginava. mas não confie em mim nesse ponto. eu sou totalmente imparcial. minha banda favorita estava ali e não eram detalhes como um som baixo ou alto demais que iam me impedir de achar o show o melhor do mundo. tinha medo, a princípio, que rivers cuomo estivesse triste, ou abatido, ou chapado demais no dia, e não conseguisse fazer um show legal. sim, ele estava totalmente chapado, mas isso não foi um problema. ele estava feliz. estava conversando, e rindo.

acho que foi um setlist normal. nada muito diferente do que eles andam tocando ultimamente, pelo que eu li por aí. big me do foo fighters, buddy holly com introdução. scott cantou in the garage e fez o gimme-gimme em beverly hills (tenho que dizer que prefiro a stephanie). brian cantou why bother, e tocou o pianinho em perfect situation. pat cantou e tocou guitarra em photograph. rivers tocou bateria em photograph, caminhou pelo palco em why bother e só cantou em el scorcho. nada do maladroit. e teve até rivers recomendando make believe: “recomendo esse disco. apesar do que andam dizendo por aí, gosto muito dele.”

e o show acabou. e a galera ficou ali, gritando.

e um canhão de luz apontou pra um lugar lá no meio do primeiro andar, bem perto de uma amiga minha. e eis que surge rivers cuomo e seu violão. hip hip. ele tocou island in the sun. hip hip.

a luz do palco voltou a se acender. e pat pegou o microfone, e perguntou se alguém ali sabia tocar violão. todo mundo sabia, até um cara do meu lado que não tinha braços. e brian escolheu um cara. e o segurança falou: “this guy?” e puxou o cara lá pra cima. o cara trocou uma idéia com o brian. e começou undone – a música da blusa de lã. e o rivers veio correndo. e cantou. e o cara sortudo ainda fez uns backing vocals, e poses de guitarrista. tinha gente falando que ele tocou errado, que teria tocado melhor. e daí? o cara teve provavelmente o melhor momento da vida dele até aqui. eu tenho inveja dele. tenho mesmo. mas foi muito legal ver um mortal lá em cima.

depois ainda teve hash pipe e surf wax america pra fechar com chave de ouro o melhor show do mundo.

Anúncios

7 comentários sobre “eu estava feliz como um garotinho

  1. O show foi demais. Sem palavras para descrever. Eu estava lá no camarote, cerca de 2 metros do Rivers tocando Island in the Sun. Sem palavras para descrever a emoção.Belo relato. Abraços

  2. o show foi realmente bom…pena que o calor quase me matou..faltou keep fishing =/ deveriam ter tocadu neh?=*

  3. nossa, o show foi maravilhoso, sou suspeita pra falar tb, pq adoro! mas particularmente amo bad religion e o show do weezer foi taum bom ou até melhor que o do br.Tava calor, mas até podia ter morrido de calor que teria morrido feliz… foi perfeito… tocou td que eu queria e eu acho que naum faltou e nem sobrou nada… Viajaria de sp de novo hj se fosse ter outro, valeu cada segundo e cada centavo gasto até lá.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s